Lia-Chan











{July 3, 2016}   Postagem semanal – Semana de 03/07/2016 a 09/07/2016
Olá Lindinhos e Lindinhas….
 
Como estão vocês ???
 
Passamos da metade do ano já, acreditam????
 
È difícil fazer editoriais sem me repetir e, ao mesmo tempo, abordando algum tipo de assunto que atraiam vocês a fazerem alguns comentários.
Não vou começar a falar de política, senão, estaria desvirtuando todo o contexto do blog. Também não vou falar de futebol, pra não arrumar briga com ninguém aqui.
 
Voltar a falar sobre a violência que os travestis sofrem, é estar falando de Datena e Marcelo Rezende, mas nesse ponto, eu queria fazer um parênteses. Nessas minhas férias forçadas, acabo correndo canais e passo no 519 ( Record ) e 522 ( Band ) na procura desesperada por alguma coisa boa. E uma coisa que vejo é esses apresentadores, se esforçando para dizer que não tem nada com a vida de ninguém, se quiserem transar com quem queiram é problema de quem transa. Sabe o que me passa pela cabeça??? Medo de serem processados e enquadrados na lei de descriminação, por isso reafirmam tantas e tantas vezes isso. Chega a um ponto pra mim, que começa a soar falso ( Não sei se isso acontece com vocês, terem essa mesma impressão ). E isso acontece em qualquer assunto relacionado a algo que não seja o casal convencional ( HomemxMulher )
 
Nos email’s que eu recebo, também acontece as vezes das pessoas se desculparem ou ao afirmarem que são heteros, dizem não ter nada contra quem não é. Não que isso aqui soe falso, mas não vejo porque se desculparem, não é ( ainda ) errado ser hetero ( logo vai ser ).
 
Me lembrei de um editorial que escrevi falando sobre genética ( acho ), que o homem na constituição genética já nascia Bi-sexual, porque ele carregava os gens XY, e pensando agora, em tom de brincadeira, a mulher, por carregar o XX teria mais tendências ao homossexualismo. Um amigo, nesse papo de XX e XY, ele falou que era XYZ  ( polissexual )
 
Eu, como já é de costume, fico durante a semana, pensando nos assuntos que quero escrever e, como boa brasileira, acabo só fazendo esse editorial no sábado, as vezes quase na hora de publica-lo, e todos os assuntos que desenvolvi ficam deixados de lado e acabo falando sobre alguma coisa que me apareceu naquele momento. Não faço pauta dos assuntos e nem das traduções, vou fazendo a medida que vão aparecendo. Já tentei, certa vez, separar o que ia traduzir no mês, mas ai aparece algum hentai bom e eu acabo deixando o que programei de lado, não dou muito certo com isso. Estou bem nas postagens, já tenho todos os mangas ( Lia traps ) e hentais ( Lia-Chan ) prontos para julho, ou seja, 45 mangas preparados para postar. Mas, também, abertos para serem alterados. Agora em Julho, espero preparar as traduções para agosto e assim por diante.
 
Já faz um bom tempo que queria expressar uma opinião e até deixar no ar uma questão. Os negros são mais carinhosos que os brancos ( Sei que alguns vão falar que não dei sorte, essas coisas ) mas realmente, estou quase que convencida disso. Espera, o que passa pela cabeça de vocês ??? Dando uma de advinha, vocês devem pensar que teriam de ser carinhosos para nos fazerem relaxar e aguentar seus dotes. Bobos, nem todos os negros são bem dotados e, nem todos os Japoneses tem pau pequeno. Há uma certa “mitologia” sobre isso. Eu nem falo de penetração, falo das preliminares. Parece que os negros gostam mais dos que os brancos e, também, esses não se importam de dar carinhos, muitos dos brancos, só querem receber.
 
Acho, na minha opinião que deve existir uma troca de carinhos, não apenas querer dar e nem só querer receber.
 
Outro assunto que sempre eu penso em tentar dissertar é sobre o porque muitas cd´s querem tanto ser tratadas como putas ??? Como poucas assumem isso, salvo nos contos eróticos, fica difícil eu ter uma idéia formada se não tenho argumentos para pensar e formar um pensamento.
 
Pegada forte, hummm!!!! Isso é bom, é outro assunto que seria bom falar, saber, não sou contra, de forma alguma, aquelas estocadas fortes, mas cadenciadas, mesclando com algo mais carinhoso e paradas. ( Estava escrevendo esse parágrafo, e me lembrei de uma vez que colocaram a cabecinha e deixaram ela parada, eu pedi pra meter tudo de uma vez, sem se preocupar, me arrependi, vi estrelas, que dor que senti, quase desisti na hora ) Hoje, ainda não pedi por isso de novo, mas que é bom uma pegada forte assim, é…
 
Espero que gostem do que preparei para a semana e espero por vocês aqui a semana que vem para mais um papinho desses….
Beijos enormes…..e tenham uma ótima semana
Liane Ferraz –  Lia-chan


SandMan says:

Pessoas são diferentes entre si, duvido que dar ou receber carinho seja uma questão étnica



Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

et cetera
%d bloggers like this: